Vida Bandida

sexta-feira, janeiro 05, 2007

2006 / 2007

Pois é.. 2006 não foi lá grandes coisas, e 2007 já entrei meio fudida.


Não consegui o que mais queria, mas também escapei do desemprego e das ferragens do resto de um FOX.
Como toda boa bruxa a Ceu decidiu que não ia mais a praia naquele carro, e como não desgrudamos
resolvemos não ir também (Eu e Meire), resultado: Ficamos sabendo no outro dia que o nosso coleguinha tinha derrubado um poste daqueles na volta da praia. Calma, não aconteceu nada demais com ele.. mas... eu hein.O carro já era, e a nossa vontade de andar com bêbado no volante também!
E lá no trampo descolei uma oportunidade unica de mudar de empresa e ganhar bem mais, só que com a mudança de governo vacilei com o novo contrato sendo que já tinha pulado fora da outra empresa, ou seja: desempregada! Mas como eu sou uma menina boa e dedicada acabei voltando pra empresa antiga, graças a muita ajuda amiga aqui do trampo. Então é isso: Nem melhorou, mas também não piorou.

Mas na mesma não vai continuar, afinal o ano acabou de começar. E pode vir quente, que eu tô fervendo!!




Vida Bandida
Lobão

Composição: Indisponível


Chu..tou
A cara do cara caído, traiu
Traiu seu melhor, seu melhor amigo
Bateu , corrente , soco inglês e canivete
E
E o jornal nào para de mandar
G Ab
Elogios na primeira página
Sangue, porrada na madrugada
Sangue, porrada na madrugada
( A D G Ab )
Vida! Vida, vida, vida
vida bandida
Vida! Vida, vida, vida vida bandida
Vida! Vida, vida, vida vida bandida
Vida!
A F#m
É preciso viver malandro
assim
G E
Não dá pra se segurar, não
A F#m
a cana tá brava
G
E a vida tá dura
E
Mas um tiro só não vai me derrubar não
A F#m
É preciso viver malandro
assim
G E
Não dá pra se segurar, não
A F#m
a cana tá brava
G
E a vida tá dura
E
Mas um tiro sá não vai me derrubar não
( A D G Ab )
Vida! Vida, vida, vida
vida bandida
Vida! Vida, vida, vida vida bandida
Vida! Vida, vida, vida vida bandida
Vida!
(A D G Ab )
Correr, com lágrima
com lágrima
Com lágrima nos olhos
Não é definitivamente pra qualquer um
Mas o riso corre fácil
Quando a grana corre solta
Vida! Vida, vida, vida vida bandida
Vida! Vida, vida, vida vida bandida
A F#m
É preciso ver o sorriso
G
da mina
E
Pra subida da barra
A F#m G E
Aí é só, é só, é só
de brincadeira
A F#m
Ainda não inventaram
Dinheiro
G
Que eu não pudesse ganhar
A F#m
ainda não inventaram
Dinheiro
G E
Que eu não pudesse ganhar
( A D G Ab)
Vida! Vida, vida, vida
vida bandida
Vida! Vida, vida, vida vida bandida
Vida! Vida, vida, vida vida bandida




6 Comments:

  • Massa essa última imagem!

    Pois então, um dia eu volto pra Natal, e nesse dia farei questão de arrumar um jeito de dar um pulo aí!

    Caracas, maior dança as cadeiras em relação aos empregos, hein? Eu que tô atrás de outro, mas começo de ano é dose, num se acha nada...

    Buenas, ótimo 2007 pra vc, mulher!
    Te cuida, viu!

    By Blogger P.H., at 11:43 PM  

  • Meu 2006 começou e terminou farto, espero repetir o feito em 2007... rs
    E vê se passa por aqui esse ano hein!
    E vê se posta aquela bela canção "Vida Vazia" ai, do Bruno e Marrone!!!

    Bjus

    By Anonymous Lili, at 12:47 PM  

  • É, esse lance do acidente aí foi foda... Ainda bem que tua amiga teve a premonição e vcs caíram foda... e ainda bem que o carinha tá bem tbm...

    Irismênia, desejo pra ti um 2007 maravilhoso, cheio de realizações, saúde, paz e a alegria que é a tua marca!

    Beijo grande, queridona!

    By Blogger Deco Ica, at 7:58 PM  

  • (caíram FORA*)... hehehehe...

    By Blogger Deco Ica, at 7:59 PM  

  • Caso a Ceu ainda tenha dúvidas, canto procêis essa música:

    "Quem é o gostosão aqui? Sou eu sou eu... sou eeeeeeeeeeeeeu"

    Huahuahuahauhua!!!
    Risca faca, deixe de fuleragem!

    Xero!

    By Blogger P.H., at 10:01 PM  

  • 1) Catso! Birosca! Como assim isso acontece contigo e ninguém me fala? Feilhos da ... mãe!

    2) Vai ter sentido-aranha assim lá em Cajuru, viu! Avise isso pra Ceu!

    3) Sardade sua, malagueta!

    By Blogger A. Diniz, at 2:20 PM  

Postar um comentário

<< Home